.

terça-feira, setembro 26, 2006

Xerox Zero

Você consegue imaginar que 88,6 milhões de reais sejam consumidos em cópias de papel?
Foi exatamente isso que o governo brasileiro gastou em 2005 com xerox. O valor superou
os investimentos realizados no mesmo período pelo Ministério do Desenvolvimento Social e
Combate à Fome, de 87,4 milhões de reais. As cópias de papel estão entre os dez itens de
custeio mais caros para o governo.

segunda-feira, setembro 11, 2006

Estudante x Profissão

Texto produzido durante a aula de Leitura e Produção de Textos II (303not)

A conscientização do estudante em relação à sua vida profissional é indispensável para o sucesso pessoal.
O caminho a trilhar no âmbito acadêmico é de fundamental importância e as escolhas dos cursos, mini-cursos e palestras determinarão o fracasso ou vitória do aluno. Algumas pessoas são induzidas na escolha da carreira por influências de familiares, amigos, propagandas de mercado, profissão do momento, confusão no ambiente de trabalho, entre outros. E tais atitudes podem interferir no sonho, talvez ainda não descoberto, que o(a) jovem idealiza em mente.
A decisão pode levar tempo, por falta de confiança na área decidida e até mesmo no caso de um profissional já trabalhar, a má escolha indubitavelmente repercutirá no seu ambiente de trabalho. Uma chance de melhorar o salário e subir na empresa torna-se distante de se alcançar decorrente da pura falta de informação.
As instituições de ensino possuem sites com informações importantíssimas sobre os diversos ramos de atuação. Eventos são registrados na Internet, jornais, televisão e rádio. O cidadão necessita estar atento ao que circula à sua volta, afinal a informação está disponível a todos. Consultar pessoal do ramo também é um diferencial de grande importância por motivos óbvios.
Reflexão, paciência e pesquisa são atitudes indispensáveis para conseguir o que se almeja e galgar um passo ímpar em seu grau de intelectualização pessoal.


Rafael Ferreira
Rafael Fahel
Ailton Carvalho

terça-feira, setembro 05, 2006

Além do dinheiro

Texto produzido durante a aula de Leitura e Produção de Textos II (303not)

Quinta-feira passada dia 10 de agosto, foi ao programa do Jô uma ex-prostituta divulgar o seu livro recém-lançado no qual ela conta a sua história como profissional do sexo. Este tipo de autobiografia está se tornando comum, pois não é a primeira vez que uma ex-prostituta relata sua vida em livro, tomando como exemplo a Bruna Surfistinha, que foi precursora deste, que parece ser um novo estilo textual.

Devido ao fato de esses livros não serem de cunho intelectual, tiveram grande sucesso, dando ás suas autoras muito retorno financeiro. Diante deste cenário uma questão vem à tona: qual o motivo de se passar quatro anos ou mais numa faculdade se apenas com banalidades se consegue fama e dinheiro?

Há várias respostas para esta questão. A primeira é que a faculdade é antes de tudo uma escola de cidadãos e que além de preparar para o mercado de trabalho, também prepara para a vida, ou seja há uma necessidade de algo além de ganhos materiais.

Hislani Azevedo
Tacao Toyosumi

Ciência da computação


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Ciência da computação é o estudo dos algoritmos e suas aplicações, bem como das estruturas matemáticas indispensáveis à formulação precisa dos conceitos fundamentais da teoria da computabilidade e da computação aplicada. Desempenha por isso um papel importante na área de ciência da computação a formalização matemática de algoritmos, como forma de representar problemas decidíveis, i.e,. os que são susceptíveis de redução a operações elementares básicas, capazes de serem reproduzidas através de um qualquer dispositivo mecânico/eletrônico capaz de armazenar e manipular dados. Um destes dispositivos é o computador digital, de uso generalizado, nos dias de hoje, pelo custo reduzido dos componentes eletrônicos que formam o seu hardware.

É a partir da década de 70 que a ciência da computação é reconhecida como uma disciplina científica autônoma com uma conceptualização própria e o correspondente vocabulário técnico-científico. Aparece a partir de outras disciplinas mais antigas como a Engenharia eléctrica, a Matemática e a Lingüística Formal, combinando uma abordagem dos problemas que participa quer das Ciências Puras, quer da Engenharia.

Os estudos oriundos da Ciência da Computação podem ser aplicados em qualquer área do conhecimento humano em que seja possível definir métodos de resolução de problemas baseados em repetições previamente observadas.

A construção de algoritmos computacionais pode ser feita de diversas formas, e cada “forma” é chamada de linguagem. Essa linguagem pode ser em forma de texto, números, fórmulas, ou gráfico. O produto de uma linguagem é chamado de código, que define o comportamento do computador para a resolução de problemas. Métodos de construção desses códigos também são estudados na Ciência da Computação. Desenvolver esses códigos pode ser também considerado uma arte e se parecer com qualquer produto artístico de outra área do conhecimento humano.

A Ciência da Computação enfatiza os aspectos e funcionalidades dos sistemas enquanto a Engenharia de software enfatiza as aplicações práticas do mesmo. De certa forma são estudos muito semelhantes apesar de terem muitas diferenças. A Ciência da Computação enfoca a resolução de problemas através do uso de algoritmos e lógica, enquanto que a Engenharia de software se preocupa com os processos de desenvolvimento de ferramentas, criação de novos sistemas e linguagens.

“Ciência da computação tem tanto a ver com o computador como a Astronomia com o telescópio, a Biologia com o microscópio, ou a Química com os tubos de ensaio. A Ciência não estuda ferramentas, mas o que fazemos e o que descobrimos com elas.”
(citação atribuída a Edsger Dijkstra).